//#Rodada7: Virada no San-São e primeiro ponto do Audax marcam a semana do Brasileiro Feminino

#Rodada7: Virada no San-São e primeiro ponto do Audax marcam a semana do Brasileiro Feminino

Por: Amanda Porfirio

A sétima etapa do Campeonato Brasileiro Feminino começou no último sábado (5) com três confrontos importantes, que mexeram na parte de cima e de baixo da tabela. O primeiro entre Audax e Minas Icesp-DF terminou com um empate e o primeiro ponto da equipe paulista no Campeonato. A partida foi bem disputada e ainda contou com um pênalti desperdiçado pelas alviverdes, que acabou fazendo falta para o placar no fim do jogo. Com o resultado por 0x0, o Audax pontuou pela primeira vez e deixou o Minas na primeira posição da zona de rebaixamento.

Visitantes Indigestos

Se tem uma coisa que os times do sul estão sabendo fazer no campeonato é causar mal estar para as donas da casa. O Grêmio foi até a Fonte Luminosa medir forças com as Guerreiras Grenás, atuais campeãs do Brasileirão. O jogo foi bem disputado para os dois lados, e contou com o talento individual da pequena Gissely de 19 anos, que marcou um golaço, o único da partida, e garantiu os três pontos para as gurias gremistas, que assumiram o quarto lugar na classificação. A Ferroviária amargou sua terceira derrota consecutiva e caiu para a sétima posição da tabela.

Já o Internacional foi até a Bahia enfrentar as rubro-negras do Vitória. Sem dificuldades, a equipe venceu por 3×0, com gols de Ariane, Jeh e Bruninha, e colaram nas rivais gremistas, assumindo a quinta posição da tabela.

Polêmicas e golaço no San-São

Domingo foi dia de clássico em Santos. As Sereias da Vila, líderes do campeonato, receberam o São Paulo em uma partida que prometia valer a “Lei da ex” em várias possibilidades. O primeiro tempo foi bem “pegado”, jogo sem gols e muita rivalidade com a bola no pé. Já na segunda etapa, ela apareceu: a lei do ex. Natane (ex Santos), aos 10 minutos, marcou um golaço e abriu o placar para o São Paulo.
Aos 18 minutos, em uma jogada do ataque tricolor, a bola bateu na mão da Dai, do Santos, dentro da área. A juíza marcou pênalti, e a Gláucia foi para a bola. Parecia que a lei do ex iria vingar mais uma vez, mas não, a atacante desperdiçou a cobrança. Quem aproveitou? Isso mesmo, as donas da casa. As sereias empataram aos 36 do segundo tempo, com gol da Amanda. E aos 45 minutos, ela voltou: a lei da ex. Cristiane recebeu na área e não desperdiçou, marcando a virada das Sereias da Vila e se isolando na liderança. Santos 2×1 São Paulo.

Foto: Divulgação Palmeiras

Para encerrar os jogos do domingo, o Palmeiras recebeu o Avaí Kindermann em Vinhedo e espantou a indigestão das visitantes, também de virada. O primeiro gol do jogo foi da atacante Caty, do Avaí/Kindermann, aos 10 minutos do primeiro tempo. Já os dois gols do Palmeiras vieram também na primeira etapa, e ficaram por conta da Carla, artilheira da competição, que marcou aos 12 e aos 15 minutos. Foi a quarta vitória consecutiva das alviverdes.

Em Campinas, a Ponte Preta recebeu o São José, que não deu chance para a macaca. As visitantes venceram por 1×0, com gol da Mylena, artilheira da equipe. O resultado garantiu a oitava posição da classificação geral.
Finalizando o domingo, o Iranduba/3B recebeu o Flamengo/Marinha em Manaus, em uma partida que já podemos chamar de clássico do Brasileirão Feminino. Mais um jogo onde as visitantes se deram bem. As rubro-negras venceram por 3×1, com gols de Rafaela, Flávia e Cida (Flamengo/Marinha), e a Paula (Iranduba/3B) diminuiu a vantagem. O resultado elevou a equipe carioca para a décima posição. As guerreiras do Hulck vem logo atrás, na 11º posição.

Corinthians x Cruzeiro

Aos olhos da técnica Pia Sundhage, da auxiliar Bia Vaz e da coordenadora de competições da CBF, Aline Pellegrino, Corinthians e Cruzeiro se enfrentaram no jogo de encerramento da rodada, nesta segunda (7) no Parque São Jorge. As duas equipes entraram com “sangue nos olhos”, especialmente as cabulosas, que pressionaram a equipe do Corinthians no primeiro tempo, e levaram dificuldade na criação das donas da casa.
O Corinthians só veio respirar aos 30 minutos do primeiro tempo, quando a Gabi Zanotti mandou um “tapa” de respeito no ângulo do gol cruzeirense, abrindo o placar. Não demorou muito e a Micaelly, aos 45 minutos, invadiu a área e marcou um golaço no canto esquerdo da goleira Lelê, empatando o jogo pouco antes do intervalo.
As duas equipes voltaram para a segunda etapa com sede de virada. E só precisou de três minutos do segundo tempo para a Cacau marcar um golaço na diagonal da meta da Mary Camilo. Corinthians 2×1. Aos 29 minutos, a Gabi Portilho recebeu um passe certeiro da Tamires e ampliou a vantagem para o Corinthians. Aos 40 minutos, por pouco a Micaelly não diminuiu o placar. Recebeu o passe e saiu em velocidade invadindo a área, chutou bonito tirando da goleira, mas tirou muito, e a bola acabou indo para fora.
Como quem não faz, leva, ainda deu tempo do Corinthians ampliar a goleada nos acréscimos, com gol de cabeça da Pâmela, que fincou o placar em 4×1 para as donas da casa, confirmando a vice-liderança do campeonato com 18 pontos, ficando atrás das Sereias da Vila por saldo de gols.

Confira como ficou a tabela após a sétima rodada: 

Tabela Globo Esporte

 

A oitava rodada inicia nesta quarta (9) e finaliza ainda na quinta (10). Todos os jogos serão transmitidos pela CBF TV, Twitter e Band.