Corinthians vence o Grêmio e conquista a Supercopa do Brasil

Na manhã deste domingo (13), a Neo Química Arena foi palco da final da Supercopa do Brasil Feminina. Corinthians e Grêmio entraram em campo para decidir o título inédito.

Com um jogo disputado até os últimos minutos, Gabi Zanotti subiu mais alto e garantiu o título para o Corinthians.

Livia Villas Boas e Rebeca Reis/ Staff Images Woman/CBF

Primeiro tempo

O Corinthians perdeu duas jogadoras logo no primeiro tempo. A goleira Kemelli precisou ser substituída pela Paty, depois de sentir o joelho no aquecimento. Com 20 minutos de jogo, foi a vez de Paulinha entrar no lugar de Kati, que saiu lesionada. 

As Brabas do Corinthians se sentiram em casa desde o início, com uma postura ofensiva e volume de jogo, tentavam criar oportunidades de abrir o placar. O Grêmio, por outro lado, se organizava defensivamente, apostava no contra-ataque, marcava forte e frequentemente apresentava perigo. 

O destaque da primeira etapa ficou com a goleira tricolor. Lorena foi extremamente combativa e defendeu todas as chances claras de gol do time corinthiano. O primeiro tempo terminou sem gols. 

Segundo tempo

No início da segunda etapa, o Grêmio subiu a marcação e passou a assustar o time do Corinthians no ataque. Em uma saída de bola errada da defesa alvinegra, Caty tocou para Rafa Levis, que cruzou na área e Caty quase conseguiu completar para o gol. 

A resposta do Corinthians veio dos pés de Gabi Portilho, que roubou a bola no campo de ataque, invadiu a área e bateu para o gol, mas Lorena fez a defesa. 

As Brabas seguiram pressionando e tiveram mais uma chance no ataque. Gabi Portilho avançou pela direita e cruzou na área, Diany bateu para gol e a defesa gremista afastou o perigo.

Aos 15 minutos do segundo tempo, mais duas substituições no jogo. Rafa Levis deu lugar a Cássia, enquanto o Corinthians faz sua terceira mudança: sai Jheniffer, entra Jaqueline. 

O Timão chegou mais uma vez, com Jaqueline, aos 22 minutos, que chutou consciente da intermediária, tentando aproveitar o adiantamento da goleira. 

Os dois times seguem apostando no descanso físico e fazem mais alterações. Pelas Gurias Gremistas, saem Lais Estevão e Luany e entram Dai Barão e Dani Ortolan, enquanto no Corinthians, Tamires e Adriana deixam o campo para Ellen e Miriã. 

No final do segundo tempo, o jogo acelerou. As duas equipes chegaram mais à pequena área, com chances de gol para os dois lados. Mas foi aos quarenta e oito minutos de jogo, que Zanotti marcou de cabeça depois de uma cobrança de escanteio e garantiu o gol do título para o Corinthians. 

Janayna Moradillo
Diretamente da Bahêa, filha de Iemanjá e jornalista esportiva em ascensão. Faço do futebol meu carnaval em tempo integral. Leonina, simpatizante das câmeras, curto um pagodinho e samba de roda. Estou sempre praticando e falando de esportes. Ou trabalhando, mas não necessariamente com esportes. Ah, eu simplesmente não tenho ideia de como relaxar!