Com golaço, Corinthians vence Palmeiras e sai na frente na final do Brasileirão A1

Rebeca Reis & Livia Villas Boas/Staff Images Woman/CBF

Em um jogo histórico, marcando a primeira final com Dérbi feminino do Brasileirão A1, o Corinthians venceu o Palmeiras  e quebrou a invencibilidade das Palestrinas no Allianz Parque. A vitória alvinegra saiu dos pés da Gabi Portilho, que marcou um golaço no segundo tempo e garantiu a vantagem para as visitantes.

Jogo Equilibrado

O jogo começou com o Corinthians se propondo no jogo. Logo aos quatro minutos do primeiro tempo, a equipe alvinegra  fez uma boa troca de passes, Gabi Portilho recebeu no meio da área, mas finalizou nas mãos da goleira Jully.

O Palmeiras respondeu aos 10 minutos, com chegada em velocidade da Chu, que acabou caindo dentro da área em um toque acidental da zagueira do Corinthians. 

Nos minutos seguintes, as duas equipes tentavam buscar armar um ataque eficiente. Enquanto o Corinthians apostava na transição pelo meio, o Palmeiras tentava chegar em velocidade pelas pontas. 

E lá vem o VAR

O time do Arthur Elias chegou a abrir o placar aos 27 minutos, com bola alçada na área para a Gabi Portilho que, em posição de impedimento, finalizou com defesa da goleira Jully e, no rebote, Adriana completou para as redes. A arbitragem até chegou a sinalizar o gol, mas a equipe de Arbitragem de Vídeo (VAR), sinalizou o impedimento.

Imagem
Twitter @Dibradoras

Após o gol, o Corinthians seguiu buscando o ataque. Aos 38 minutos, Adriana partiu em velocidade pelo meio e foi derrubada perto da entrada da área. Victória Albuquerque levantou a bola na área, mas a jogada foi interrompida por um choque de cabeça entre Érika e a Agustina.

Logo depois o Palmeiras respondeu em velocidade pela ponta esquerda, em troca de passes entre a Camilinha e a Chu, mas a Katiuscia conseguiu acompanhar e interceptar o ataque.

Sem muitas chances efetivas de ataque nos dois lados, a primeira etapa terminou sem gols e com as duas equipes com dificuldades de construção.

Vitória no detalhe

O segundo tempo começou com pressão do Corinthians com duas chegadas em velocidade com Yasmim e Tamires, que não conseguiram finalizar para o gol. Logo depois, aos sete minutos, o Palmeiras chegou em velocidade com a Maria Alves cruzando no meio para a Ary Borges, que pegou mal na bola e finalizou para muito longe do gol. 

Aos 10 minutos, Camilinha viu a goleira Kemelli adiantada e tentou um chutão de longe que quase encontrou as redes do Corinthians. 

E se o Verdão assusta, o Timão responde. Aos 18 minutos, Gabi Zanotti recebe pelo meio, infiltra dentro da área e chuta rasteiro no canto esquerdo. A bola passa bem perto da trave. 

Alerta de golaço! Aos 22 minutos, em cobrança de falta, a Vic Albuquerque alça a bola na área e Gabi Portilho chega sozinha pelo meio, metendo a bola por cobertura, sem chance de defesa para a goleira. Um golaço que abriu o placar para o Corinthians.

#ChamaOVar

Na sequência, em uma disputa de bola, Jennifer, que tinha acabado de entrar na equipe do Corinthians, chegou forte e atingiu em cheio a Agustina. o VAR chamou a árbitra para revisar o lance em uma possibilidade de expulsão, mas ela entendeu que cabia apenas o amarelo.

E lá vem o Corinthians de novo! Aos 33 minutos, Vic Albuquerque aproveita sobra de bola na entrada da área e chuta forte, mas a bola passa longe do gol. 

Em seguida, o Palmeiras respondeu com  Katrine chegando com perigo pelo lado esquerdo da meta da goleira Kemelli. 

Decisão final

O jogo de volta acontece no dia 26/09, às 20h, na Neoquímica Arena, com transmissões do Sportv, Band e Tik Tok. A partida acontece após a pausa do campeonato para cumprimento das datas FIFA da Seleção Brasileira, que jogará dois amistosos com a Seleção Argentina nos dias 15 e 20 de Setembro, na Paraíba.