Tricampeãs! Corinthians vence o Palmeiras e conquista o título do Brasileirão Feminino de 2021

A Neo Química Arena foi o palco da grande final do Brasileirão Feminino 2021, disputada entre Corinthians e Palmeiras, na noite deste domingo (26). A equipe alvinegra, que já entrou em campo com a vantagem de um gol, construiu bem o placar no primeiro tempo e venceu as Palestrinas por 3 a 1, levantando a sua terceira taça de campeã brasileira. 

Noite de estreia

Antes do apito inicial, de forma inédita, as jogadoras do Corinthians estrearam a terceira camisa do clube. O novo uniforme roxo, tem como tema “Respeita as Minas”, é uma homenagem às mulheres torcedoras que representam 53% do total da torcida, segundo levantamento publicado pelo clube.  

Palmeiras com mudanças

Para o segundo jogo da decisão, o técnico Arthur Elias manteve o mesmo time que venceu no Allianz Parque. Já Ricardo Belli fez duas alterações nas onze iniciais: Duda e Chú começaram no banco, dando lugar a Tainara e Maria Alves. 

Primeiro tempo

Assim como na partida anterior, o Palmeiras começou pressionando a saída de bola do Corinthians, enquanto as Alvinegras tentavam induzir a equipe palmeirense ao erro e aproveitar os espaços com jogadas de velocidade. 

A pressão do Palmeiras deu certo, e aos 11 minutos, teve sua primeira chance com Júlia Bianchi que roubou a bola no meio de campo e arriscou um chute perigoso ao gol defendido por Kemelli.

Durante os primeiros 20 minutos de jogo, o Palmeiras vinha melhor na partida, mas, Taianara errou no bote e Adriana aproveitou, saiu na velocidade, driblou a goleira e finalizou. Agustina até tentou salvar em cima da linha, mas a bola bateu nela e entrou.

Após o gol, o Corinthians cresceu no jogo e aos 32, marcou o segundo. Yasmin ganhou a sobra de bola, cruzou para Adriana que acertou um belo chute no ângulo, ampliando o agregado para 3 a 0. O time da casa continuou no ataque e cinco minutos depois, Vic Albuquerque recebeu de Ingryd na área, dominou a bola no peito e fez um golaço de bicicleta. 

A primeira etapa terminou com um Corinthians jogando como gosta e com o Palmeiras precisando se reencontrar para tentar uma reação.

Segundo tempo

Precisando marcar quatro gols para levar a decisão para os pênaltis, na volta do intervalo, Ricardo Belli fez uma substituição, trocando a zagueira Thainara, pela  meio-campista Duda. 

A entrada da Duda ajudou a melhorar a movimentação do ataque palmeirense, mas o time não conseguiu ser efetivo nas criações das jogadas. O Corinthians chegou a marcar o quarto com Vic Albuquerque, mas a bandeirinha marcou posição irregular da jogadora corinthiana. 

Aos 29 minutos, em uma jogada individual, Camilinha saiu bem da marcação, ajeitou e chutou de fora área, diminuindo para as Palestrinas. 

Fazendo história 

Com o título da edição de 2021, o Corinthians se torna a primeira equipe tricampeã do Campeonato Brasileiro Feminino. O time alvinegro já havia ganhado a competição em 2018 e 2020. 

Neste ano, as Alvinegras somaram 38 pontos na primeira fase, dois empates e apenas uma derrota. Nas quartas de final, a equipe bateu o Avaí/Kindermann e nas semifinais passou pela Ferroviária.