Adriana, Bia e Debinha marcam e Seleção Brasileira estreia na Copa América com goleada sobre a Argentina

Brasil e Argentina se encontraram na noite deste sábado (09), na Colômbia, para o primeiro jogo das equipes na Copa América, pelo Grupo B. Sem dificuldades, o Brasil confirmou o favoritismo e saiu com a vitória por 4 a 0.

As seleções começaram se conhecendo e se respeitando para estudar as dificuldades de cada time. O Brasil usou a velocidade pelos lados com a Adriana para chegar ao gol argentino. A primeira boa chance veio de escanteio, logo aos dois minutos de jogo.

A Argentina também tentou usar as laterais do campo, principalmente o lado esquerdo, para encontrar o gol. Mas, em duas tentativas do lançamento de bola, as jogadoras estavam em posição de impedimento.

Aos 18 minutos, o Brasil levou perigo mais uma vez. Fê Palermo recebeu na direita e cruzou na área para encontrar Bia Zaneratto. A atacante cabeceou sozinha, mas a bola saiu direto pela linha de fundo.

A goleira Lorena trabalhou pela primeira vez aos 23 minutos, com uma cobrança de falta direta da Argentina, mas a defensora do Brasil estava bem posicionada e pegou firme a bola.

As Guerreiras do Brasil estavam com dificuldades de ficar com a bola no pé, e o gol saiu justamente quando conseguiram fazer isso. Bia Zaneratto costurou na entrada da área e viu a Tamires pelo lado esquerdo. Ela recebeu e cruzou para encontrar Adriana, que empurrou para o fundo do gol e abriu o placar.

Aos 34 minutos, Bia Zaneratto sofreu pênalti e foi para a batida. Ela tinha acabado de cobrar uma falta na entrada da área que saiu por cima do gol. Mas a penalidade a camisa 16 não desperdiçou. Bola do lado esquerdo, no alto, sem nenhuma chance para a goleira argentina e 2 a 0 para o Brasil no placar.

Bia Zaneratto cobrando o pênalti e marcando o gol de número 700 da Copa América e 250 da Seleção Brasileira na Competição | Foto: Thais Magalhães/CBF

Segunda etapa

No segundo tempo, Bia Zaneratto usou da sua habilidade mais uma vez para deixar Adriana na cara do gol. Aos 10 minutos, ela ganhou a disputa de bola na entrada da área e deu um lindo passe para Adriana driblar a goleira e empurrar para a rede.

A Argentina tentou driblar os impedimentos e conseguiu chegar aos 40 minutos pela lateral esquerda, mas a zaga brasileira foi bem e não deixou o placar diminuir. 

E para finalizar, a Duda Sampaio, jovem jogadora, achou um excelente passe para a experiente e artilheira Debinha, que recebeu pelo lado esquerdo, correu por trás da zagueira a bateu na saída da goleira para consagrar a goleada da estreia.

Próxima partida 

O próximo jogo do Brasil é na terça-feira (12), às 18h, contra o Uruguai, com transmissões do SporTV e SBT.

Amanda Porfírio
Jornalista e Profissional de Educação Física. Pernambucana, bairrista por natureza, vivendo a máxima Gonzaguista: “Minha vida é andar por esse país”. Apaixonada por futebol desde que respira. Atualmente vive em São Paulo, e tem como sonho ajudar a conduzir o futebol feminino ao topo. Fora das quatro linhas, gosta de ler, pedalar, explorar a natureza e é obcecada pela ideia de estar sempre criando algo novo.